Qual é a Pior Droga e Seus Efeitos no Corpo e na Mente?

Seu contato é muito importante

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.
Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Qual é a Pior Droga e Qual o Efeito no Corpo e na Mente?

Tanto usuários de drogas quanto pessoas próximas a eles costumam se perguntar qual é a pior droga e qual o efeito que ela pode produzir no corpo e na mente das pessoas. Essa pergunta é ainda mais comum entre familiares de dependentes químicos que não assumem o vício.

Crack – O que é e por que é considerada a pior droga

O crack é um subproduto da cocaína e pode viciar no primeiro uso. De forma simplificada, pode-se dizer que o crack é o “lixo” que sai da cocaína, vendido por valores muito baixos. No entanto, seu efeito é tão curto que os usuários acabam gastando mais dinheiro devido à necessidade de consumo frequente.

O crack não é uma droga de entrada; geralmente, os usuários começam com álcool, maconha ou cocaína antes de passar para o crack. Ele é considerado “fim de carreira” até mesmo entre dependentes químicos, pois é uma das drogas mais devastadoras em termos de saúde física e mental.

Saiba mais sobre como identificar o uso de crack.

Como saber se meu filho, filha, marido, esposa, pai ou mãe está usando crack?

Saber se uma pessoa está usando crack pode ser percebido por mudanças comportamentais e físicas significativas. O viciado em crack dificilmente consegue manter um emprego e muitas vezes recorre a furtos dentro de casa para sustentar o vício.

Sinais de uso de crack:

  • Desaparecimento de objetos de valor de casa
  • Longos períodos fora de casa
  • Envolvimento com atividades ilícitas como furtos e prostituição

Descubra mais sinais e como agir.

Efeitos do Vício em Crack

O crack causa efeitos devastadores no corpo e na mente:

  • Físicos: Perda de apetite, falta de sono, doenças cardiovasculares, respiratórias e hepáticas.
  • Mentais: Paranoias, alucinações, depressão, ansiedade e esquizofrenia.

A saúde mental dos usuários de crack se deteriora rapidamente, muitas vezes de forma irreversível, o que torna a internação necessária.

Saiba mais sobre os efeitos do crack.

Internação para Tratamento de Vício em Crack

A internação é uma das poucas formas eficazes de tratamento. A fissura pelo crack faz com que os dependentes raramente aceitem a internação voluntariamente, sendo necessária a intervenção da família.

Como proceder com a internação:

  1. Procure uma clínica especializada.
  2. Avalie a necessidade de internação compulsória.
  3. Prepare-se para uma internação segura e protegida.

Veja como funciona a internação.

Como é a Internação de um Viciado em Crack?

A internação deve ocorrer em uma clínica com segurança total para evitar fugas e garantir a proteção do dependente e dos outros internos. As clínicas precisam ter uma estrutura fechada e profissionais capacitados.

Descubra mais sobre o processo de internação.

O que fazer quando a pessoa não aceita se internar?

É comum que dependentes de crack recusem a internação, usando táticas emocionais para dissuadir a família. No entanto, a família deve compreender que a internação é um ato de salvação e não deve ceder à culpa ou medo.

Ajuda para Conseguir Internação de Viciado em Crack

Se você precisa de ajuda para internar compulsoriamente um dependente de crack, entre em contato com a nossa equipe pelo telefone 0800 591 2860

Aqui nas Clínicas Jovens Livres, oferecemos orientação sobre onde e como internar seu familiar, quais planos de saúde podem custear a internação, o procedimento legal para internar o dependente e esclarecimento de todas as dúvidas relacionadas ao tratamento de dependência em crack.

Entre em contato conosco agora.


Perguntas Frequentes

Qual é a pior droga e qual o efeito no corpo e na mente?

O crack é considerado a pior droga devido ao seu alto potencial de vício e devastadores efeitos físicos e mentais. Ele causa rapidamente uma deterioração da saúde física e mental, levando a doenças graves e transtornos psiquiátricos.

Quais são os sinais de que alguém está usando crack?

Os sinais incluem perda de objetos de valor em casa, ausência frequente, envolvimento com atividades ilícitas e mudanças comportamentais significativas.

O que fazer se um dependente de crack não aceitar se internar?

A família deve considerar a internação compulsória como uma medida necessária para salvar a vida do dependente, agindo com firmeza e sem ceder à manipulação emocional.

Precisa de mais informações? Fale conosco.


Conclusão: O crack é a pior droga devido aos seus efeitos devastadores no corpo e na mente. Identificar os sinais de uso e buscar tratamento imediato são passos cruciais para salvar a vida de um dependente. Na Clínica Jovens Livres, estamos aqui para ajudar a proporcionar o melhor tratamento possível.

Saiba mais sobre nossos tratamentos e entre em contato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress
× Como posso te ajudar?